Entrevista com a Juíza Clivia von Dewitz sobre Comissão de Verdade e Reconciliação

Tags:

Data: 05/12/2018

Postado por: Redação AJURIS JR

“O que realmente queremos? Que as pessoas parem de cometer crimes? Como fazemos isso?”. São perguntas como essas que guiam o trabalho da Juíza Clivia von Dewitz em Hamburgo, segunda maior cidade da Alemanha, desde o início de sua jurisdição.

E não podia ser diferente. Afinal, ainda quando estudava Direito em 1997, participou como ouvinte da Comissão de Verdade e Reconciliação da África do Sul, que tinha o intuito de reunificar o povo africano após o Apartheid, regime de segregação racial adotado de 1948 a 1994.

Na entrevista, realizada no dia 18 de outubro na Escola Superior da Magistratura da Ajuris, ela narra sua experiência como ouvinte da Comissão e conta como referenciou esse evento histórico, uma das mais relevantes referências internacionais em termos de Justiça Restaurativa e Justiça Transicional, em sua jurisdição especializada em Justiça Juvenil.